Quem sou eu

Minha foto
...uma criatura magrela e um ser que deixa a desejar no quesito beleza; ao me ver tenho certeza que não darias nada por mim, mas ao levar um papo tenho certeza que pelo menos um dinheiro pro café,você vai dar !

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Tua Carta

Sei o nome do que sinto,mas seu nome desconheço.Sei da dor,da alegria e do prazer da intimidade,mas como será convosco?
Desculpa,é que fico olhando as palavras que você escreve,pensando naquilo que teu texto produz e,do nada,alguma coisa meio louca me arrebata e fica ecoando ao ouvido enquanto flutuo num ar estranho,tem cheiro de coisa que já vivi e que temo viver novamente.Mas talvez,eu penso,com você possa ser diferente,possa ser algo celestial se você for,e executar,trinta por cento do que escreve.De minha parte,posso garantir-lhe uma grande colaboração pois anseio por felicidade,expressa,pra viagem,pra vida inteira e às vezes imagino a gente de mão dada,fazendo idiotices de casal,fazendo inveja até nos outros porquê nosso amor será lindo,será intenso,tal qual todos que já vivi e viverei e quiçá muito melhor.
Mas por agora,enquanto não compartilho com você o que quero compartilhar com você,fico somente a lhe admirar,no silêncio,no escuro,aguardando a coragem que poderá fazer gritar o coração e trazer sua luz para perto de mim.

Allan Bonfim.

3 comentários:

  1. eu tive uns amores lindos e intensos, como todos os teus. tive um que me pegou na poesia, me embalou nos versos e... quando vi, já tinha virado essa coisa coisa de andar de mãos dadas e fazer idiotices de casal. acabou, mas sempre dura na lembrança. Leminski disse que o amor não acaba, mas se transforma em ódio ou em rima. eu sempre vou pro lado da rima! as palavras mostram mais da gente do que imaginamos, né? aaaai, Allan, esse post me pegou, pq já vivi!

    sempre bem bonito (;

    ResponderExcluir
  2. que beleza de versos! ha esperanca sempre que o amor seja mais belo do que as experiências anteriormente vividas! e que seja mesmo e nunca te falte coragem pra crer ou viver isso! lindo! (:

    ResponderExcluir
  3. Menino Tico-tico,
    que lindeza de carta esta que parece uma poesia alada,
    permitam os Deuses do amor, plácidos em suas casas de estrelas acolherem tua expectativa de tão grande amor, porque quem é poeta, só por isso já é mais que pressa o tempo de realizar seus sonhos de amor.

    Obrigada por fazeres visita ao meu canto, vez por outra,
    quanto encanto existe na troca, não?

    Beijos,
    e mais beijos,
    pois é CARNAVAL.

    Be


    *

    ResponderExcluir