Quem sou eu

Minha foto
...uma criatura magrela e um ser que deixa a desejar no quesito beleza; ao me ver tenho certeza que não darias nada por mim, mas ao levar um papo tenho certeza que pelo menos um dinheiro pro café,você vai dar !

quinta-feira, 14 de abril de 2011

Alô,princesa ?

Eu sei o que você pensa.Daí sentada do seu sofá você pensa que eu não mudei.Você pensa que eu minto que eu traio que eu saio e que tenho dois fígados,e que faço muito uso deles,obrigada.Você não sabe que enquanto te olho da areia eu só consigo pensar em,puta que pariu,como você é linda! Você não sabe que quando eu falo num tom sério pra você se cuidar e não deixar ninguém te acertar é menos porque eu odeio seus treinos e mais porque eu tenho medo que alguém nesse mundo afete seu sorriso perfeito.Sexta à noite fico esperando você ligar,só pra te dizer que não,eu não saí,nem to bêbada,nem to dando pra uma boca que eu não sei o nome,mas você não liga.Acho que você tem medo de saber que eu me sinto right now muito acorrentada a você,muito sua,muito da sua cama,muito dos seus cachos,muito da sua pele,muito da sua família.Tenho tentado me afastar,tenho tentado ser de outras pessoas,é verdade.Não ta funcionando,baby.Não ta funcionando sem você.Não consigo mais beber.Não consigo gozar com estranhos.Não quero mais ir embora.Tenho vontade de me socar até ficar pequenininha e caber dentro de você,bem no meio,bem no peito,bem no coração.Tenho medo que você tenha medo e acabe indo embora com medo.Quero te proteger de mim.Fico quieta não me exponho,não te exponho.Uma vez,muito tempo faz,alguém me amava e eu não amava esse alguém,eu achava que amava mas não sabia,aí ela nos traiu e eu a trai.Foi feio.Ela chorou.Eu chorei.Ela diz que chora até hoje.Eu não tenho mais lágrimas.Eu me sentia maior,mais tudo.Mais inteligente,mais sabida,mais livre,mais cheia de leveza – veja só,le – ve – za! -,mais tudo sem ela,e isso nos fodeu.Me fodeu.Fodeu ela.Hoje fico quietinha com você.Olho pra você e sua simplicidade é de uma magnitude que me emociona e me deixa parecida com uma criança no primeiro dia de aula;olhando pra trás,procurando seu olhar,não querendo soltar a mão.Tenho vontade de cortar meus pedaços e me dar pra você comer pra nunca mais ter que me separar.Tenho medo de mim.Tenho medo de mim sem você.Quando eu,criança e frágil e carente e me sentindo desamparada,consigo finalmente olhar pra frente e entrar no prédio o mundo me seduz.E toda sua beleza,seu cachorro de 38,5kg,seu rabisco da costela e seu amor desaparecem.Tenho medo que eles desapareçam e eu me perca.Sou frágil e estúpida.Sou uma masoquista de merda,viciada numa dor de merda,num amor de merda.Sou uma alcoólatra de merda.Fracassada.Incompetente.Infeliz.Tenho medo de mim.Tenho medo que você desapareça e eu me perca.Tenho medo de me perder de você.Tenho medo de estragar o seu doce com meu pote estragado.

Myrella Andrade.

7 comentários:

  1. fiquei sem palavras com esse texto, ele está muito bom. Ás vezes assim, algumas frases daqui parecem sair do meu pensamento rsrs'
    Obg pela visita!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Poooooooooooorra, poooooooooooooooooooooooora, caralho! rs

    Primeiro eu peço desculpas pela falta de resposta ao e-mail, tentei responder pelo celular e de alguma maneira ele me sabota apagando tudo quando eu chego na metade. Diz ele que nao tem memoria pra tal :( eu compreendo. Continuo sem pc.

    Agora, segundo de tudo, deixa eu continuar falando do texto: pooooooooooooorra, caralho, puuuuuuuuuuuuuta merda...

    rs

    ResponderExcluir
  3. Uol, tem como não gostar de algum texto seu? esse ficou sensacional *-*

    bjus =*

    ResponderExcluir
  4. "Não tá funcionando sem você."
    Eu amei, de verdade. Cada palavra se encaixou e ficou maravilhoso!

    ResponderExcluir
  5. Opa,minhas queridas,estava sentindo falta de vocês,vamos esclarecer algo.
    O TEXTO NÃO É DE Allan Bonfim,é de Myrella Andrade,uma pessoa maravilhosa que encontrei pela blogosfera,se CLICAREM NO NOME vão ver,o blog dela é o Enfim,sós.
    Eu pedi esse texto à ela a um tempão (gostei desde que li) agora senti o momento de publicá-lo aqui,de qualquer forma obrigado pelos elogios,elogios às palavras.

    um abraço !

    ResponderExcluir
  6. Alô principe...
    Compreendo que seja semanal, ateé acho que você tem coisa melhor p fazer... do que viver no blog, é que eu sou ativa, TUDO que acontece eu quero escrever, na minha vida acontece de tudo todo dia...
    É dificil a gente encontrar homens que escrevam assim, que pensem assim, espero que você também seja assim fora daqui, que você seja assim na vida real.

    Beijinho cabeludinho!

    ResponderExcluir
  7. Nossa isso sim que é texto. Pensei que só eu dizia "amor de merda" mas deve ter bem mais por ai.
    Adorei a escrita dela,vou até dar uma passada por lá,esse Enfim,sós deve ser muito bom (:

    Allan querido,muito obrigada pela fotos fiquei feliz de ver que fez,pensei que até tinha esquecido.Hoje o blog faz 2 anos e sabe sem dúvidas a melhor coisa de tudo são as amizades que fiz graças a blogsfera ;D
    Beijos

    ResponderExcluir